Comentários

Nenhum comentário
Seja o primeiro a enviar um comentário
Appfut

Mascote e Apelido


Você sabe por que o mascote do Santos é uma baleia? E por que o time tem o apelido de “peixe”?

Em 1921, uma charge do jornal ítalo-brasileiro “Il Pasquino Coloniale” fez referência ao clube como “peixe”. A torcida, porém, levou alguns anos para adotar o apelido: em 1933, numa partida contra o São Paulo F.C. Segundo Odir Cunha, autor de diversos livros sobre o clube, os santistas, em reação aos gritos pejorativos de “peixeiros” por parte dos são-paulinos, teriam respondido: ‘somos peixeiros com muita honra’, assumindo definitivamente o apelido.

Outros animais marinhos também foram associados ao clube: leão do mar foi um deles, após o jejum de 20 anos quebrado com a conquista do título paulista de 1955. A marchinha composta por Mangeri Sobrinho e Mangeri Neto, para essa vitória, traz em sua letra: “Jogue o que jogar/ És o leão do mar/Salve o nosso campeão”. A marcha ficou tão conhecida é tornou-se o hino do clube, entoado até hoje.

Outro animal associado ao clube foram o golfinho (sugerido por Ziraldo em 1989). Personagens como o Pescador, o Peixeiro e o Marinheiro. Mas foi a Baleia, o maior mamífero da terra, o animal consagrado mascote oficial pelo clube. Mesmo oficializada em 2006, a referência à baleia como mascote do clube teria surgido nos anos 50 pelo cartunista Messias de Melo, do Jornal A Gazeta Esportiva.